SINDPRODEM ganha processo contra SINDEEPRES

O Sindicato dos Trabalhadores Promotores De Vendas, Repositores, Demonstradores de Merchandising e Trade, mais uma vez demonstra sua força e informa aos trabalhadores a anulação da Convenção Coletiva 2022/2022 (MR002016/2022) do sindicato SINDEEPRES.

Trata-se do Processo SERET/SRTb-SP nº 10260.102895/2022-22, obrigando o sindicato SINDEEPRES a retirar da Convenção Coletiva as categorias de promotores de vendas, repositores, demonstradores de merchandising e trade, por invadir a nossa legítima  representação.

Em 2009, o SINDPRODEM com o departamento jurídico, obteve êxito em processos judiciais contra o SINDEEPRES em ações específicas de enquadramento sindical. E, desde 2018, vem movendo ações no Ministério da Economia, para anular as Convenções Coletivas do SINDEEPRES registradas no mediador do MTE. Este sindicato que NÃO REPRESENTA os nossos trabalhadores, incentiva a precarização e desvalorização da nossa categoria, com salários e benefícios muito abaixo do nosso piso salarial.

O reconhecimento do Ministério do Trabalho/Economia na legitimidade da representação do SINDPRODEM, fortalece nossa luta contra as empresas que teimam em não reconhecer o nosso sindicato, como o legitimo representante da categoria em todo o estado de São Paulo, conforme determina a Carta Sindical e o despacho deste processo.

Vamos à luta! Nenhum direito a menos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

sete − seis =